Consultoria Ambiental Geotrópico recebe licença ambiental de primeira usina de geração de energia elétrica por fonte solar em Alegrete.

COMPARTILHE:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

A empresa de Consultoria Ambiental Geotrópico recebeu no dia 18 de janeiro de 2021 do prefeito de Alegrete, Márcio do Amaral, a licença prévia e de instalação permitindo a implantação da primeira usina de geração de energia elétrica por fonte solar no município.

 

As tratativas iniciaram no primeiro semestre de 2020 junto à prefeitura, sendo o projeto apresentado em julho, durante reunião com o comitê Pró-Energia Eólica, como também ao Conselho Municipal de Meio Ambiente (CMMA), que realizou análises e estudos da legislação ambiental e elaborou uma resolução quanto ao licenciamento ambiental da atividade de “autoprodução e geração distribuída de energia elétrica a partir de fonte solar”. 

 

Conforme o biólogo Rafael Moura, diretor da Geotrópico, esta usina contará com 6.384 módulos, sendo necessária a contratação de 30 funcionários e mais quatro operadores de máquinas. “Com a geração de energia, o município irá arrecadar imposto direto por meio do ISS – Imposto Sobre Serviços e indiretamente pelo ICMS, recursos que serão voltados a melhorias para a cidade”. 

 

O projeto prevê uma usina solar de 2,5 kw, a ser construída em uma área de 4,9 hectares, localizada na estrada do Rincão de São Miguel, na Jararaca, gerando energia para uso de empresas privadas. As companhias poderão comprar a energia limpa diretamente da usina, resultando em economia significativa, pois o valor a ser pago será mais acessível do que comprar de concessionárias. 

 

Para a implantação estão previstos investimentos de ao menos R$ 10 milhões para colocar a usina em funcionamento. A previsão para conclusão da obra é de cinco meses e o tempo de funcionamento é de 30 anos.

 

A empresa Solar Grid é a empreendedora do projeto, construção e operação da usina solar a ser instalada no município, em parceria firmada com a Geotrópico.  “A instalação da usina solar da Solar Grid criou um novo momento para o município, que desenvolveu uma legislação nova, específica para energias renováveis, pensando no desenvolvimento e conservação ambiental”, afirmou o biólogo Brites Pereira, diretor da Geotrópico. 

Ver