EQUIPE

Brites F. Pereira

Diretor Técnico - CRBio 75654

Biólogo, Mestre em Diversidade e Manejo da Vida Silvestre, Graduado em Ciências Biológicas Licenciatura pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS).

Durante a graduação executou atividades no Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (IBAMA). Desenvolveu atividades de pesquisa junto ao Laboratório de Ictiologia (LABICTIO) da UNISINOS participando de publicações em Congressos e Simpósios relacionados.

Mestrado desenvolvido com o Tema: A vegetação ripária natural e sua importância para a manutenção e conservação da biodiversidade dos peixes da Bacia do Rio Piratini, RS, Brasil. Atua na coordenação de projetos e Estudos de Impactos Ambientais, Projetos de Recuperação Ambiental e Sistemas de Gerenciamento Ambiental.

Atualmente compõe a equipe técnica da Geotrópico onde coordena uma equipe multidisciplinar de técnicos na execução dos mais diversos serviços da área ambiental, tais como EIA-RIMA, RAS, PGRS, PCA, PBA e licenciamentos ambientais das mais diversas atividades.

Possui experiência principalmente nos seguintes temas: biodiversidade, bioma pampa, RPPN, ecologia, licenciamento ambiental, ecoturismo e ictiofauna.

Rafael Gomes de Moura

Diretor Técnico - CRBio 69908

Biólogo, Mestre e Doutor em Diversidade Manejo da Vida Silvestre pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS).

Especialista em Gerenciamento Ambiental, Ecologia e Informações Espaciais Georreferenciadas, atuando no Laboratório de Ecologia de Peixe, desenvolvendo trabalhos de pesquisa com a Análise Espacial da Bacia do Rio dos Sinos.

Componente do Projeto Missão Amazônia I e Projeto Missão Amazônia II (saneamento ambiental com as aldeias indígenas), ambos realizados pela PUCRS. Desenvolve pesquisas e trabalhos técnicos na área de Ecologia Aplicada e Geoprocessamento, com ênfase em Ecologia da Paisagem. Participou nas Operações Antártica XXVIII, XXIX e XXX – planejamento e execução de sistemas de informações geográficas.

Possui experiência em consultoria ambiental de parques eólicos, estudos quali-quantitativos em Áreas de Proteção Permanente, através de Sistemas de Informações Geográficas.

Desenvolve mapas quantitativos e estudos multitemporais através de Sensoriamento Remoto. Atualmente desenvolve trabalho de monitoramento da mata ciliar do Rio dos Sinos.